9.10.11

BALEAL: ESPÍRITAS LIMPAM NATUREZA


Sábado, 8 de Outubro de 2011, foi um dia especial para 18 crianças e jovens do Centro de Cultura Espírita de Caldas da Rainha e para outros tantos adultos (pais e encarregados de educação).
O dia começou bem cedo com o ponto de encontro pelas 09H30 no "Bar do Bruno", no Baleal, Peniche. De seguida o grupo de crianças e Jovens rumou à praia da Almagreira, com o objectivo de a limpar de toda a gama de detritos que ali são deixados e outros trazidos pelo mar. A esta actividade juntou-se a "Surf Riders Foundation" (movimento europeu de surfistas, amigos da Natureza), estando presente a Anna que, em inglês, com tradução da Catarina, ia passando lições de sensibilização para a defesa da Natureza aos mais novos e adultos, que estiveram integrados nesta actividade. O material de limpeza foi oferecido por esta entidade, bem como pelo "Baleal Surf Camp".
12H30 foi a hora do ponto de encontro no pinhal de Ferrel, para se poderem retemperar as forças e onde o Sr. Presidente da Câmara de Peniche (António José Correia) teve a gentileza de se deslocar, dando os parabéns pelo evento, após ter tido conhecimento do mesmo, facto que surpreendeu e animou os presentes.
Mas o melhor estava para vir: uma iniciação ao Surf pelas 15H30, numa oferta do "Baleal Surf Camp" que funciona no edifício do "Bar do Bruno".
Como ainda faltava algum tempo, as crianças e adultos aproveitaram e limparam também o pinhal de Ferrel, que apesar de estar bem servido de caixotes do lixo, os seus utentes teimam em deixar o local miseravelmente sujo. Ficou um brinquinho. Todos ficaram muito contentes após a limpeza do mesmo, que com o auxílio de todos fez-se rapidamente.
Pelas 15H30 a excitação era grande, afinal era a 1ª aula de surf.
Correu muito bem, a equipe do "Baleal Surf Camp" foram simpaticíssimos e de um profissionalismo a toda a prova. Os miúdos lá vestiram os fatos de surf, pegaram nas pranchas e foram aprendendo na areia, com os professores, todos os movimentos essenciais para uma prática desportiva segura.
Raquel Henriques, Leonor Leal e Manuela Alves, responsáveis pelos grupos de crianças e jovens do Centro de Cultura Espírita, referiram que esta actividade inseria-se no estudo e sensibilização que está a ser feito junto dos mesmo, sobre a "Lei de Conservação " de "O Livro dos Espíritos" de Allan Kardec. Após a aprendizagem teórica, após perceberem a estreita ligação entre a espiritualidade e a Natureza, consideraram importante que as crianças e jovens sentissem o problema "in loco".
Após o baptismo de Surf, foi hora de retemperar as forças com o lanche trazido de casa e, voltar cada um ao seu lar com a alma cheia de ânimo e vontade de efectuar mais eventos em defesa da Natureza.
Com a Doutrina Espírita, sabemos que voltaremos noutras vidas ao planeta Terra, através da reencarnação, pelo que ainda se torna mais premente o cuidado com a Natureza, já que ela é e será o palco de outras existências corporais, em busca da evolução do ser humano, imortal, almejando a felicidade.
De realçar que entre todas as entidades intervenientes, nunca se colocou a questão da identificação ou não com a doutrina espírita, já que estavam todos irmanados no mesmo ideal: limpar e defender a Natureza, deixando aqui, todas as entidades presentes,  preciosa lição de compreensão, tolerância, entendimento, na certeza de que não é preciso as pessoas pensarem da mesma maneira para poderem interagir fraternalmente e terem objectivos comuns. 

1 comentários:

Anónimo disse...

ESSAS SÃO AS ATITUDES DO VERDADEIRO CRISTÃO ESPÍRITA POIS SÃO ATITUDES DESSA NATUREZA QUE VAMOS TER UM PLANETA DE REGENERAÇÃO E AS CRIANÇAS DE HJ ESTÃO SENDO MELHOR PREPARADAS PARA QUE NAS PRÓXIMAS REENCARNAÇÕES NÓS TB APRENDEMOS A RESPEITAR A NATUREZA. PARABÉNS A TODOS VCS POR ESSA INICIATIVA E NUNCA PENSEM EM DESISTIR. ABRAÇOS. DAVID VELOSO FURTADO - RIO POMBA-MG.

Enviar um comentário