21.8.15

A crise...

Anda tudo sarapantado
Anda tudo "aos papéis"
Sejam ricos, sejam pobres
Sejam Marias ou Manueis

Uns sem dinheiro
Outros cheios d'anéis
Todos com medo
De perder os seus “papéis”

São tempos difíceis
São tempos de confiança
Quem não tiver fé
Vai perder a esperança

Tudo passa
Dizeis e com razão
Mas passa melhor
Com fé e oração

Pregai à humanidade
A ideia do Espiritismo
Baseada na fé
Na razão e no altruísmo

Somente percebendo
O fanal real
Todos os desorientados
Se livrarão do mal

Entendendo a espiritualidade
A imortalidade e reencarnação
Também eles tentarão
Resistir à tentação

Essa é a missão
Dos espíritas actuais
Levar a luz de Deus
Aos restantes mortais


Poeta alegre


Psicografia recebida na  reunião mediúnica, CCE, C. Rainha, Portugal, 4 de Agosto de 2015

0 comentários:

Enviar um comentário