11.7.12

Riqueza e Pobreza...


Riqueza e pobreza
Que diferentes situações
O rico despreza o pobre
E o pobre conta os tostões

Mas, ser rico e pobre
É tudo ilusão
O pobre é rico
E o rico não

O rico egoísta
Já teve o seu prazer
Ficará mais pobre
Logo após “morrer”

O pobre, coitado,
Pensa nada valer
Mas sobe a sua cotação
Quando o corpo fenecer

Riqueza e pobreza
Não passam de ilusão
Pois o que agora é rico
Amanhã muda de situação

Riqueza e pobreza
São divinas oportunidades
De burilar o íntimo
Apoiando as comunidades

Sendo rico ou pobre
Podemos evoluir
Se o egoísmo não vencer
E o orgulho ruir.

Oh rico, meu irmão
Não te julgues impune
Usa bem a riqueza
Como sendo um perfume

Oh pobre, irmão meu
Não desesperes no viver
Amanhã sorrirás
Ao verificares teu vencer!

Poeta alegre
Psicografia recebida no ENL, em Óbidos, Portugal, por JC, em 5 de Janeiro de 2009

0 comentários:

Enviar um comentário