28.12.17

Saber esperar...

Esperar, é verbo
para todos usarem,
desde o nascimento
até se “calarem”.

Esperas no útero,
a hora de nascer.
Esperas que o tempo,
te faça crescer.

Esperas na escola,
o toque da entrada.
Esperas os anos,
andando nessa estrada.

Esperas o momento,
do estudo superior,
seja como técnico
ou como doutor.

Esperas o dia
do teu casamento,
tão almejado
após o encantamento.

Na roda da vida,
voltas a esperar,
o filho que ajudaste
agora, a gerar.

Esperar, é o verbo
que acompanha o movimento.
Só sabendo aplicá-lo
valorizas o tempo.

Esperar é acção,
que acompanha a evolução.
Quem não espera, desconhece
o bem dessa lição.

Quando a vida,
te trouxer dissabor,
espera um pouco,
pelo Bem em teu favor.

Quem não sabe esperar,
desconhece a paciência,
que na escada da evolução,
é preciosa ciência…

Poeta alegre 
Psicografia de JC na reunião mediúnica do CCE, C. Rainha, Portugal, em 3 de Outubro de 2017


0 comentários:

Enviar um comentário