25.4.16

Espiritualidade...

Um dia tive
Um sonho / ilusão
Que o mundo deixaria
De ser uma prisão…

“Isso é impossível”
Diz o cidadão…
Só porque não conhece
A reencarnação…

A vida feliz
É uma realidade
Existe ao vosso lado,
Na espiritualidade…

Porquê tanta surpresa
Acerca da imortalidade,
Quando afinal,
Ela é a realidade?

Tal acontece,
Por desconhecimento,
Dos que vivem na matéria,
Sem este conhecimento.

Essa é a tarefa,
Dos espíritas d’agora,
Divulgar a imortalidade,
Pela Terra fora…

Em “breve” chegará,
O dia, em que tal realidade
Não será mais
Uma novidade…

Ide, quais marinheiros
Dos mares d’outrora,
Divulgar ao mundo
Essa verdade… agora!

Mas, não basta
Apenas divulgar,
É preciso também,
Tolerar, amar!

“Amai-vos, instruí-vos”,
Dizia o Espírito de Verdade,
Não postergueis,
Essa realidade…

Se assim obrardes,
Não vos preocupeis,
Um dia, vos receberemos
Como se recebem os reis.


Poeta alegre


Psicografia recebida por JC, em Caldas da Rainha, Portugal, em 24 de Abril de 2016, nas XII Jornadas de Cultura Espírita do Oeste.

1 comentários:

Adelino Lourenço disse...

É o que todos nós devia-mos fazer, divulgar e praticar, amar e ensinarmos os que não sabem e praticam, eu por mim tento praticar todos os dias.

Enviar um comentário