25.11.13

Mutação...


Militar de outrora, almejo pela nova aurora, onde o mundo iluminado pelo facho divino da fraternidade substituirá os canhões, o armamento diversificado, por escolas, hospitais, voluntariado.
Militar de outrora, estudei estratégias diversas, para combater o inimigo no terreno, de acordo com os manuais da guerra, quase todos derivados de Sun Tzu!
Hoje, meus irmãos, sou um “guerreiro” da paz.
Coronel na Terra, sou hoje Soldado de Jesus, e janais me orgulhei tanto de tão baixa patente ostentar nos meus ombros!
Coragem, porfiem no Bem, pois em breve, amanhã, olharemos para a realidade de hoje como algo muito primitivo, como hoje analisais os tempos medievais.
Confiemos no Bem e, prossigamos na tarefa de iluminação de consciências, em busca de um porvir melhor, mais pacificado e feliz.
Vosso irmão de sempre,

Faure da Rosa 

Psicografia recebida por JC, na reunião mediúnica do Centro de Cultura Espírita de Caldas da Rainha, em Portugal, em 12 de Novembro de 2013. 

PS – O Coronel Faure da Rosa foi distinto dirigente espírita no tempo do Salazarismo, tendo sido presidente da Federação Espírita Portuguesa. 

1 comentários:

paula alves disse...

Por vezes penso nisto. As dificuldades que estamos a atravessar, o poder que rebaixa os fracos em prol do lucro de alguns, fazem-me pensar que daqui a alguns anos vamos olhar para trás e pensar como foi possível tudo isto...
Obrigado pela partilha, esta comunicação ajuda-nos a ter esperança nos momentos difíceis...

Enviar um comentário