28.5.12

Confusão...


Confusão, confusão!
Gritam os inimigos da união.
Que fazer? Socorro pedir?
União, sem medo do porvir.

Na vida tereis lutas
Já nos advertira Jesus
Não te admires pois
De carregares a tua cruz!

Altos e baixos
Sempre tereis na vida
Não são as dificuldades
Que a tornam mais colorida?

Porque desanimar
Perante a adversidade?
Calma, confiança em Deus
E trabalho de continuidade.

Não desesperem nunca
Pois Jesus vela por nós.
Ele é o timoneiro
Nunca estaremos sós!

E assim, passo a passo
Estamos evoluindo
Passam as dificuldades
E na vida vamos sorrindo.


Poeta alegre

Psicografia recebida por JC em C. Rainha, Portugal. 

0 comentários:

Enviar um comentário